14 opções para ter uma franquia entre R$ 2.500 e R$ 50 mil; veja cuidados

Home    |    na Mídia
14 opções para ter uma franquia entre R$ 2.500 e R$ 50 mil; veja cuidados

5 de fevereiro de 2018

Fonte: Uol Econômia, Bol, Portal do Franchising e Vip CEO.

Franquias baratas podem ser uma opção de trabalho num momento de crise, mas é preciso conhecer o setor e ver a seriedade do negócio. Também não se deve colocar todo o seu dinheiro na empreitada.

Adriana Auriemo, 43, diretora de microfranquias da ABF (Associação Brasileira de Franchising), diz que é preciso pesquisar sobre a empresa. “O franqueado deve conhecer bem as regras do jogo, tirar dúvidas, ligar para outros franqueados. Franquia não é um investimento financeiro. O franqueado tem que se identificar com o negócio tanto como cliente quanto como empresário”, declara.

UOL listou 14 opções de franquia que custam de R$ 2.500 a R$ 50 mil. Em algumas delas, você pode trabalhar de casa. Todos os dados foram fornecidos pelas próprias empresas.

1) Freewet

Faz limpeza e proteção automotiva a seco. O franqueado vai até o cliente e faz prestação de serviços no seu carro. A empresa oferece 12 tipos de serviço e três modelos de negócios: light, nano e box.

  • Investimento inicial: R$ 2.500 (light), R$ 4.990 (nano) e R$ 25 mil (box). Segundo a empresa, nos modelos light e nano, não há cobrança de taxas de franquia nem de instalação.
  • Royalties: R$ 50/mês (light), R$ 134/mês (nano) e R$ 374/mês (box)
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 6.000
  • Lucro médio mensal: a partir de R$ 5.000
  • Retorno do investimento: dois meses

2) Ahoba Viagens

Atua como agência online de viagens. Por meio de notebook, tablet ou smartphone com conexão à internet, o franqueado vende pacotes e serviços de viagens, como estadias, passagens, passeios, traslados e aluguel de carro, por exemplo. A agência funciona totalmente online e pode ser operada de qualquer lugar.

  • Investimento inicial: R$ 3.950 (inclui taxa da franquia)
  • Royalties: 1% a 2% do faturamento ou R$ 100/mês (o que for maior)
  • Faturamento médio mensal: R$ 30 mil
  • Lucro médio mensal: R$ 3.000
  • Retorno do investimento: de três a 12 meses

3) Encontre Sua Viagem

Venda de serviços de turismo, como pacotes de viagens, passagens aéreas e rodoviárias, hospedagem em hotel e locação de veículos. Há dois modelos de negócios: home office e loja física.

  • Investimento inicial: R$ 7.000 (home office; inclui taxa de franquia + capital de giro) e R$ 40 mil (loja física; inclui taxa de franquia + taxa de instalação + capital de giro)
  • Royalties: de R$ 250/mês (home office) e R$ 350/mês (loja física)
  • Faturamento médio mensal: de R$ 50 mil a R$ 120 mil (home office) e R$ 200 mil (loja física)
  • Lucro médio mensal: de R$ 5.000 a R$ 12 mil (home office) e R$ 20 mil (loja física)
  • Retorno do investimento: de um a oito meses (home office) e a partir de 12 meses (loja física)

4) Bidon Corretora de Seguros

Atua exclusivamente no sistema home office para venda de seguros em diversas áreas, como de carros, empresarial e condomínios, além de consórcios, previdência privada e seguros de vida, residencial e de viagem. O franqueado precisa de computadores, internet e telefone para trabalhar.

  • Investimento inicial: R$ 11.990 (inclui taxa de franquia + capital de giro)
  • Royalties: R$ 200/ mês
  • Faturamento médio mensal: R$ 50 mil
  • Lucro médio mensal: R$ 7.500
  • Retorno do investimento: de três a 12 meses

5) Sigbol Fashion

Franquia de cursos profissionalizantes na área de moda. São 56 cursos na grade da rede.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 17 mil (home based) e a partir de R$ 49.503 (loja física). Inclui taxa de franquia + capital para instalação + capital de giro + estoque inicial de material didático
  • Faturamento médio mensal: R$ 13 mil (home based) e R$ 24 mil (loja física)
  • Lucro médio mensal: até 30% sobre o faturamento
  • Retorno do investimento: a partir de cinco meses (home based) e a partir de 11 meses (loja física)

Este modelo home based é direcionado para quem já costura em casa. A ideia da empresa é transformar essa costureira em franqueada, para ela pode dar aulas de corte e costura e administrar a franquia. São seis opções de cursos no home based. A franqueada passa por treinamento, com metodologia e material da Sigbol Fashion.

6) Jan-Pro

Atua no segmento de limpeza e conservação de ambientes, oferecendo serviços como desbacterização, higienização e desinfecção.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 20 mil (inclui taxa de franquia)
  • Faturamento médio mensal: de R$ 25 mil a R$ 45 mil. Segundo a empresa, o capital de giro é 50% do valor do faturamento mensal da unidade
  • Lucro médio mensal: de 15% a 30% sobre o faturamento
  • Retorno do investimento: de 8 a 12 meses

7) Conserta Smart

Atua na assistência técnica para smartphones e tablets. Para iniciar uma unidade, é preciso dois profissionais: um para atendimento e um na área técnica.

  • Investimento inicial: R$ 24,9 mil (inclui taxa de franquia)
  • Royalties: R$ 990/mês (cidades com menos 350 mil habitantes) e R$ 1.900/mês (cidades com mais de 350.000 habitantes)
  • Faturamento médio mensal: R$ 30 mil.
  • Lucro médio mensal: cerca de 40%
  • Retorno do investimento: em até seis meses

8) Banneg – Banco de Negócios

A rede oferece serviços como empréstimos consignados, crédito pessoal, capital de giro, financiamentos e consórcios de imóveis, entre outros, fazendo a negociação com instituições bancárias. Atua por meio do modelo de negócio standard, exclusivamente em loja física.

O franqueado credenciado como agente financeiro pode acessar diretamente os bancos e fazer os cálculos necessários. Os que não têm esse credenciamento fazem apenas a captação do cliente e o preenchimento da proposta, ficando a franqueadora responsável por toda a parte de cálculo.

  • Investimento inicial: R$ 32,4 mil (inclui taxa de franquia + custo de instalação + capital de giro).
  • Royalties: 1/2 salário mínimo nacional/mês (hoje R$ 468,50)
  • Faturamento médio mensal: de R$ 300 mil a R$ 500 mil
  • Lucro médio mensal: a partir de 5% sobre o faturamento
  • Retorno do investimento: de oito a 12 meses

9) Códigokid

Escola de ensino tecnológico para crianças e adolescentes, com cursos nas áreas de programação, robótica, games, youtuber, edição de vídeos e imagens, entre outros.

Os franqueados recebem a capacitação técnica, estrutura e o material pedagógico para ministrar todos os cursos disponíveis no portfólio da escola.

  • Investimento inicial: R$ 34,9 mil (inclui taxa de franquia e custo de instalação)
  • Royalties: R$ 990/mês (cidades com menos de 350 mil habitantes) e R$ 1.520 (cidades com mais de 350 mil habitantes)
  • Faturamento médio mensal: de R$ 30 mil a R$ 40 mil
  • Lucro médio mensal: R$ 15 mil
  • Retorno do investimento: de 6 a 12 meses

10) CredFácil

Rede de franquia de créditos consignados, com taxas pré-negociadas. O sistema de relacionamento entre franqueado e cliente está no site da rede, que oferece software gratuito para gestão do negócio, 24 horas por dia.

  • Investimento inicial: R$ 38 mil (inclui taxa de franquia)
  • Royalties: isento
  • Faturamento médio mensal: de R$ 80 mil a R$ 120 mil
  • Lucro médio mensal: de R$ 10 mil a R$ 20 mil
  • Retorno do investimento: de seis a 12 meses

11) Mary Help

Agenciamento de diaristas, como faxineiras, lavadeiras, passadeiras, cozinheiras e babás. A franquia ajuda, por exemplo, na montagem no negócio, na seleção, recrutamento e treinamento de profissionais e gerenciamento do negócio por meio de software próprio.

  • Investimento inicial: R$ 40 mil (inclui taxa de franquia, taxa de instalação e capital de giro). Este modelo é para cidades com até 50 mil habitantes.
  • Royalties: R$ 1.639,75/mês
  • Faturamento médio mensal: de R$ 30 mil a R$ 150 mil
  • Lucro médio mensal: de 15% a 25% sobre o faturamento
  • Retorno do investimento: de 12 a 14 meses

12) KingCase

A rede personaliza capinhas de celular, além de vender esses itens com imagens prontas, acessórios para celular, películas e produtos de informática e eletrônicos. Possui quatro modelos de negócio: store in store (loja que pode funcionar dentro de supermercado, por exemplo), quiosque, loja de rua e loja de shopping.

  • Investimento inicial (modelo store in store): a partir de R$ 50 mil (inclui taxa de franquia e capital de giro).
  • Royalties: a partir de R$ 900/mês
  • Faturamento médio mensal: R$ 40 mil
  • Lucro médio mensal: R$ 6.000
  • Retorno do investimento: 12 meses

13) Balão da Informática

Venda de produtos de informática e eletrônicos e assistência técnica de computadores, notebooks e impressoras.

  • Investimento inicial: R$ 50 mil (inclui taxa de franquia + custo de instalação + capital de giro).
  • Royalties: R$ 990/mês (cidades com menos de 350 mil habitantes) e R$ 1.900/mês (cidades com mais de 350 mil habitantes)
  • Faturamento médio mensal: R$ 35 mil
  • Lucro médio mensal: 30% sobre o faturamento
  • Retorno do investimento: a partir de seis meses

14) Mapa da Mina

Atua na produção de semijoias, com fabricação própria. O modelo express de franquia é móvel, composto por dez mostruários (chamados de “torres”) com as semijoias e que podem ser colocados em salões de beleza e academias, entre outros espaços, por exemplo. Não é preciso ter ponto comercial.

  • Investimento inicial: R$ 50 mil (modelo express, com dez torres e 1.300 peças de semijoias. Inclui taxa de franquia e estoque inicial). Segundo a empresa, o ideal é que cada torre tenha 90 peças expostas; o restante fica em estoque.
  • Faturamento médio mensal: R$ 20 mil
  • Lucro médio mensal: 28% do faturamento
  • Retorno do investimento: de 18 a 24 meses

Documento deve ter todos os detalhes sobre o negócio

Segundo Adriana Auriemo, a lei de franquias exige que a empresa disponibilize ao interessado a Circular de Ofertas de Franquias (COF), com no mínimo dez dias de antecedência, antes de o negócio ser fechado. O COF traz informações como o perfil e o balanço financeiro da empresa e até a lista dos franqueados que já saíram da rede, diz ela.

É importante que o franqueado utilize esse documento para ler todos os detalhes e tirar suas dúvidas. Chamamos de alinhar as expectativas. Essa circular traz as regras do jogo, definindo o papel das partes. O candidato à franquia tem o direito de avaliar se quer entrar ou não no risco da operação.

Adriana Auriemo, diretora de microfranquias da ABF

Adriana também faz outra ressalva: nunca coloque todo o seu dinheiro no negócio. “O franqueado vai precisar ter capital de giro, contar com a sazonalidade do negócio, ter capital para ele se manter durante os primeiros meses da empresa”.

Receba as Novidades por E-mail

ATENÇÃO!

A CredFácil jamais solicita pagamento antecipado aos clientes para iniciar operações. Se receber algum contato deste tipo, contate-nos.